MIMOS

o
0
Hoje fiz um carinho no meu calcanhar. Eu que o trato de forma tão funcional. A ele ligo chão estabilidade aspereza. Não costumo tocá-lo. O julgo um tanto quanto impuro. Contaminado. Mas hoje em um dia nublado, ouvindo suaves acordes teclados, deitei-me em posição fetal, braços entre pernas. Entrega. Minhas mãos tácteis sensíveis, percebendo a carência, tocaram meu calcanhar esquecido como um velho amigo. E ele dissipava desejos contidos de afagos e mimos. Quando dei por mim, o tocava sem preconceitos, deslizava palma e dedos em ternuras e doação. E percebi quando ele empolgado e lisonjeiro exclamou ao nobre cérebro: Eita! Como um cafuné é bom, heim companheiro!
O
O

5 comentários:

Pavitra disse...


e que mimo!

gostei muito desse texto, simone...
e, sabe, que ao acariciar seu calcanhar, vc pode estar abrindo a possibilidade para novos passos na sua vida - e eles lhe indicarão a direção (isso é verdade!)

beijos

CotidiAmo disse...

uai Pav, que negócio enigmático, heim! vou prestar bastante atenção.
obrigada. beijos.

Pavitra disse...


não é enigmático, não, simone...
cada parte do seu corpo, cada órgão e até cada sensação... tudo isso está diretamente ligado à psique...
(estudo isso, mas nem dá pra explicar aqui) ahaha

mas pode acreditar e preste mesmo atenção... e se quiser saber de alguma parte específica, me escreve:

mapavitra@gmail.com

beijos

luma carvalho disse...

menina! amei esse texto teu! muito mesmo! pôxa, me du uma invejinha boa, sabe? também ando me esquecendo de tocar não só meu tornozelo, mas de me abraçar, sei lá... coisas que a gente precisa fazer sempre, né? afinal, somos a melhor companhia de nós mesmos, né não?

beijos na alma
com sabor de "dê uma passadinha lá em casa, tem poema novo... ah! quando entrar tira os chinelos e aí , descalças, sentindo o chão geladinho, a gente pode falar de poesia pros nossos calcanhares, que tal?"

luciana
luma
lua

Simone Gois disse...

Oi Luma, é verdade. Às vezes nos abandonamos.
E olha só que agora o meu ombro reivindicou massagens, o joelho quer um joelheira de seda e o cotovelo anda querendo bater um papinho!! pode!! Mas já decidi fazer um mimo pra todos.
beijos.