o
o

Uma solidão
Que não é feita de tristeza
Uma imensidão
Onde não cabe a estranheza
Apenas eu
comigo mesma

a
preciando
pequenas delicadezas
o

o


3 comentários:

Daisy disse...

Segue o meu blog, que te sigo tmb

http://www.maezinha.eu/

Bjsss,
Daisy

Luiza Versamore disse...

Talvez dessa solidao eu tb goste...
Linda poesia!
Beijos!
Luiza

Natalí disse...

Lindos textos *--*
adorei o seu blog!!!! PERFEEEITO ♥

dá uma passadinha no meu blog, please?
www.natalinascimento.blogspot.com

[já estou te seguindo *--*]
Desde já, obrigada ♥